segunda-feira, 23 de abril de 2012

Hino do Partido Constitucionalista

Apresento aos leitores que ainda não conhecem, o Hino do Partido Constitucionalista composto por Marcelo Tupinambá, mesmo autor da marcha "O Passo do Soldado" e gravado no ano de 1934 por Francisco Alves.



Hino do Partido Constitucionalista

"Da alma cívica de um povo,
Irmanado nas trincheiras,
Surgem as novas Bandeiras,
Criando um São Paulo novo.
Povo heróico à luta afeito,
Firma a sua tradição,
Tendo nas mãos o direito
E a pátria no coração

Marchemos cheios de glória!
Conosco marcha a vitória!
Marchemos cheios de glória!
Conosco marcha a vitória!

Anima o surto grandioso
Que a nossa alma retempera
A ânsia feita de Raposo
E a firmeza de Anhangüera
Rumando a novas conquistas,
Fiel ao destino da raça,
Ei-lo! Abre alas, Paulistas,
pois é São Paulo que passa!

Marchemos cheios de glória!
Conosco marcha a vitória!
Marchemos cheios de glória!
Conosco marcha a vitória!"

Photobucket

10 comentários:

  1. Ouço esse hino diariamente... É meu alarme despertador. ;)
    Ricardo, me permita a "discussão": ouvindo atentamente inúmeras vezes, procurei entender a letra original. Conclui que o correto do verso é:
    "(...) Que a nossa alma retempera
    Co'a ânsia afeita de Raposo(...)"
    Esse "Co'a" significando "Retemperar o surto grandioso com a ânsia afeita de Raposo". Foi o que me pareceu mais adequado pelo que ouvi na (brilhante) voz de Francisco Alves (cuja gravação não é das melhores).

    Posso estar errado, claro, mas gostaria de sua opinião.

    Obrigado e PARABÉNS por publicar esse que, em minha humilde opinião, deveria ser o hino de SP.

    Abração!

    ResponderExcluir
  2. Carlos Vasconcelos25 de abril de 2012 17:12

    Apoiadíssimo, Marcus! Este deveria ser o Hino de São Paulo!

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Concordo que este deveria ser o hino Paulista! Lindo hino!

    ResponderExcluir
  4. Sou filha e sobrinha de Soldados Constitucionalistas...até o Golpe Militar de 1964, todo 9 de julho, meu pai hasteava a Bandeira Paulista no mastro no jardim de minha casa, construido especialmente para esse dia, ao som de... Paris Belfort ...o Hino da Revolução Constitucionalista de 1932

    http://www.youtube.com/watch?v=zSfIPS0XMcg

    Nove de Julho é a luz da Pátria
    Data imortal deste berço augusto
    Os bandeirantes denodados
    Deste São Paulo vanguardeiro e justo

    Nove de Julho é a glória do Brasil
    Cantado por São Paulo
    Sob um lindo céu de anil

    Nove de Julho é a luz da Pátria
    Data imortal deste berço augusto
    Os bandeirantes denodados
    Deste São Paulo vanguardeiro e justo

    Nove de Julho heróica é bela data
    Marco inicial da jornada democrata
    Piratininga terra do trabalho
    Onde são reis, a enxada e o malho

    Seu povo altivo vai espalhando
    Amor pela Pátria e vai cantando
    Solo querido, terra amorosa
    Pátria de bravos, sempre formosa

    Ana Maria



    6 de julho de 2013 09:13

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Gostaria de saber se este Marcelo Tupinambá é o pseudônimo de Fernando Lobo?
    Digo isso porque ele foi um grande músico que viveu na minha cidade, Barretos - SP, e compôs a melodia do TG de Barretos, que por sinal era usada durante os combates da Revolução de 1932 pelos constitucionalistas barretenses.
    Você pode me dizer? Onde encontrou essa informação que Marcelo Tupinambá é o autor desta obra prima?
    Sou historiadora e fiquei encantada com essa "coincidência".
    Parabéns pelo blog!

    Profª Karla Armani; Barretos-SP.

    ResponderExcluir
  6. É preciso que novamente marchemos cheios de glória, pois, com certeza, conosco marcha a vitória. Parabéns São Paulo dos fihos de João e Bartira, dos migrantes e imigrantes, sua vitória transcende as forças de Getúlio e se perpetua na punjança do trabalho cotidiano de seus filhos legítimos e adotados!

    ResponderExcluir
  7. Fico emocionada todo ano quando chega essa época. São Paulo fez o que pode para evitar uma ditadura. Nossos moços morreram aqui em São Paulo em defesa do nosso chão. Não foi possível evitar a implantada por um Sr. que mais tarde teve coragem de trocar nossos moços por uma siderúrgica em Volta Redonda.

    ResponderExcluir
  8. Esse hino era mesmo do Partido Constitucionalista ou era seu nome apenas uma referência a 1932?

    Porque, segundo Franklin Martins, por exemplo, esse partido só seria fundado em 1934, e esse hino fora composto dois anos antes, no ano da Revolução mesmo.

    http://www.franklinmartins.com.br/som_na_caixa_gravacao.php?titulo=hino-do-partido-constitucionalista

    ResponderExcluir
  9. NÃO VI RESPOSTAS ÀS PERGUNTAS COLOCADAS... QUANTO A MARCELO TUPINAMBÁ É SIM PSEUDÔNIMO DE FERNANDO LOBO...

    https://pt.wikipedia.org/wiki/Marcelo_Tupinamb%C3%A1

    ResponderExcluir
  10. Neste link há um espaço onde se pode baixar a letra original, finalmente revelada:
    http://www.saopauloindependente.org/um-hino-para-satildeo-paulo.html
    Importante: o blog Tudo por São Paulo 1932 e seu autor não são partidários do separatismo paulista, como já especificado na apresentação do mesmo.

    ResponderExcluir